Em tempos de pandemia, um cuidado mais que especial!

Em tempos de pandemia, um cuidado mais que especial!

 

Neste momento enfrentamos um cenário sem precedentes decorrente da pandemia do coronavírus que vem assolando o mundo. Estamos vivenciando uma crise econômica, social e também na área da saúde, atingindo especialmente as pessoas do grupo de risco e os mais vulneráveis, que estão diretamente expostos a inúmeras ameaças.

 

Muitos estudos científicos nacionais e internacionais evidenciam os impactos da COVID-19 na Saúde Mental das pessoas. Desta maneira, é imprescindível considerar as especificidades daqueles que, em condições ditas “normais”, já necessitam de atenção especial, como as pessoas com deficiência (PCD).

 

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), quanto mais limitada a locomoção de uma pessoa e maior for sua necessidade de cuidado, mais ela estará exposta e vulnerável à COVID-19, podendo afetar sua Saúde Mental.

 

É importante considerar que as pessoas com deficiência podem apresentar dificuldades em seguir as orientações de proteção individual indicadas pela OMS, aumentando assim o risco de contaminação.

 

Nesse contexto, as empresas também devem assumir um papel importante de apoio às pessoas com deficiência para o enfrentamento deste momento. E para ajudar, elencamos alguns pontos importantes a serem considerados:

 

1.  Adequações às condições para o home office – nem sempre a pessoa com deficiência tem as condições adequadas para trabalhar em casa. Desta forma, tanto funcionário, como empresa devem se unir para que viabilizem as acomodações necessárias, possibilitando uma melhor performance e interação com seu time.

 

2. Ajustes para as condições especiais de comunicação – Para que as PCD, especialmente auditivas e visuais, possam criar formas de se comunicar com a equipe e desempenhar adequadamente suas funções.

 

3. Medidas de apoio social – As necessidades especiais continuam existindo e precisam ser atendidas para o bem-estar das PCD. É importante que empresa e liderança estejam atentas a estas questões e deixem um canal aberto para que os funcionários em questão solicitem ajuda, caso necessitem.

 

Todos nós precisamos de estratégias para manejar com mais assertividade e equilíbrio emocional as atuais condições de distanciamento social, home office, restrições, medo de contaminação e excesso de notícias.

 

Essas dicas práticas podem te ajudar a superar esses desafios com mais confiança, serenidade e leveza. Confira:

 

  • Mesmo em distanciamento social, mantenha contato com amigos e familiares. As redes sociais e vídeo chamadas são ótimas opções. Estamos distantes das pessoas e não isolados! Podemos manter nossas conexões de várias maneiras!

  • Crie uma rotina com horário de início e término de trabalho, pequenas pausas pela manhã e à tarde, além de fazer 1h de almoço.

  • Inclua em seu dia um momento de relaxamento, como meditação ou exercícios de respiração, por exemplo.

  • Busque refletir sobre a autopercepção e autoavaliação de como está seu sono, sua alimentação, seus cuidados pessoais, sua espiritualidade, etc.

  • Aprenda novas habilidades, além de preencher o tempo, auxilia a se desligar do trabalho.

  • Faça atividades que lhe proporcionem prazer, como leitura, música, dança, filmes, séries, artesanato. Mesmo que você não tenha muito tempo, reserve um espaço na sua agenda para um pequeno autocuidado diário.

  • Planeje o fim de semana para que ele realmente seja de descanso e lazer.

 

Por fim, um aspecto muito importante nesse momento de distanciamento social: procure lidar de uma forma saudável com a ansiedade, um sentimento compreensível e esperado. Essa talvez seja a tarefa mais difícil, porém infinitamente necessária.

 

Sabemos que tudo isso vai passar, mas não vai acabar de uma hora para outra, por um decreto. Vamos precisar de várias adaptações até que a situação se estabilize. Cuide do seu bem-estar e, se precisar, peça ajuda!

 

Lembre-se que você pode entrar em contato com a Saúde Ocupacional ou o RH da sua empresa para solicitar apoio emocional. As sessões de psicoterapia estão acontecendo de forma on-line e você pode ter acesso a várias possibilidades autocuidado.

 

A sua Saúde Mental é o seu bem mais precioso. Por isso, cuide bem de si e, caso precise de apoio, não hesite em pedir ajuda!

Please reload

Posts em destaque
Posts recentes
Please reload

Entrevista com Fátima Macedo: Saúde Emocional – um autocuidado para a vida

26 May 2020

1/3
Please reload

  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Instagram Mental Clean
  • Twitter ícone social
  • Pinterest ícone social

© 2018 Mental Clean