Saúde emocional: Como está a sua?
  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Instagram Mental Clean
  • Twitter ícone social
  • Pinterest ícone social

© 2018 Mental Clean

Saúde emocional: Como está a sua?

February 23, 2018

Entenda o papel fundamental da prevenção, para uma vida com mais qualidade

 

 

 

Um levantamento realizado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), constatou que no mundo há mais de 300 milhões de pessoas com Depressão e mais de 260 milhões, com transtornos de Ansiedade. Estes números são um alerta para a importância de cuidar da saúde mental, não somente quando há o adoecimento, mas também de forma preventiva.

 

Em 2016, uma pesquisa feita pela London School of Economics em oito países, apontou o Brasil como o segundo país com maiores perdas financeiras ligadas à Depressão no trabalho, perdendo apenas para os Estados Unidos.

 

A conclusão do levantamento sugere que a Depressão dos trabalhadores merece uma atenção muito maior do que tem hoje, independente do desenvolvimento econômico do país, renda nacional ou cultura.

 

 

A saúde emocional no trabalho

 

Para a psicóloga Fátima Macedo, diretora da Mental Clean, há a necessidade de que os empregadores reconheçam a importância sobre o tema: “As empresas precisam abordar esse assunto, porque as pessoas estão adoecendo e se afastando do trabalho. Além de que um funcionário adoecido mentalmente, também não consegue produzir na sua totalidade, ele e erra com mais facilidade”.

 

Fátima alerta que as pessoas precisam parar com a “síndrome do Super Herói”, muito comum no ambiente de trabalho que, cada vez mais, exige que os colaboradores sejam high potential, high performance, resilientes e erroneamente cria-se a crença de que um bom empregado aguenta qualquer situação.

 

“Muitas vezes as pessoas adoecem no ambiente de trabalho e a empresa acha que o problema está no recrutamento e seleção e que está contratando pessoas ‘fracas’. Isso é irreal, pois mesmo a pessoa mais resiliente e que mais aguenta o ‘tranco’, acaba adoecendo diante de um ambiente muito insalubre, muito nocivo”, completa.

 

Diferentes fatores interferem na maneira como um funcionário reage ao estresse, como as condições de trabalho a que ele está exposto, questões familiares, ambientais e de relacionamentos. Por isso é tão importante olhar para o empregado de forma integral, procurar entender o que está acontecendo com ele e assim poder tomar uma ação que ajude a solucionar o problema.

 

 

Cada um deve entender seus próprios limites

 

Além de um ambiente de trabalho mais saudável, o indivíduo também precisa reconhecer a importância de respeitar seus limites e buscar uma vida em equilíbrio, através do cuidado com a saúde física e emocional.

 

Entender que não conseguir lidar com todas as situações sozinho e que ter um problema emocional, ou um transtorno mental não o tornam uma pessoa de menos valia, são passos fundamentais para quebrar o preconceito e começar a tomar consciência sobre a importância do cuidado com a saúde emocional.

 

“Tudo aquilo que eu olho de frente, que eu encaro, eu enxergo quais são as minhas dificuldades e as minhas facilidades, em relação à determinada questão. Aquilo que é uma dificuldade, eu vou melhorando, eu posso levar mais tempo, mas aos pouquinhos eu vou mexendo naquilo e melhorando”, explica Fátima Macedo.

 

De acordo com a psicóloga, essa melhora faz com que a pessoa comece a ter uma sensação de autoeficácia e realize pequenas conquistas, melhorando a autoestima.

 

Mas quando já há o adoecimento, como a Depressão, por exemplo, é importante que as pessoas ao redor percebam as mudanças de humor e de comportamento e ofereçam ajuda.

“Muita gente não busca ajuda pela vergonha. Eu ainda vejo nas palestras que eu faço, nas reuniões, nas falas de algumas pessoas de RH, ou mesmo da área da Saúde, que já se fala mais sobre o tema, mas na prática os comportamentos ainda estão muito ligados ao preconceito”, conta.

 

Entenda um pouco mais sobre a importância de se perceber emocionalmente, no vídeo:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Please reload

Posts em destaque
Posts recentes

November 14, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Tags
Please reload

Nossas redes
  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Basic Square